Advertisement

Vox Populi: Haddad lidera, Ciro se distancia de Marina e Alckmin e se aproxima de Bolsonaro

Pesquisa CUT /Vox Populi divulgada nesta quinta-feira aponta o candidato do PT, Fernando Haddad, na frente da corrida presidencial para as...

Política / 13 Setembro 2018

Pesquisa CUT /Vox Populi divulgada nesta quinta-feira aponta o candidato do PT, Fernando Haddad, na frente da corrida presidencial para as eleições de outubro, com 22% de intenção de votos. Jair Bolsonaro vem em segundo, com 18%, seguido por Ciro Gomes (10%), Marina Silva (5%,) e Geraldo Alckmin (4%).

Haddad foi oficializado como candidato do Partido dos Trabalhadores na última terça-feira, após o TSE ter impugnado a candidatura do ex-presidente Lula. Ao contrário das demais pesquisas divulgadas essa semana, a da Vox explicitou ao eleitor que Fernando Haddad é o candidato apoiado por Lula.

Henrique Meirelles (MDB) tem 2% das intenções de votos; João Amoêdo (Novo) e Álvaro Dias (Podemos), 1%, cada; outros candidatos têm 1%. Ninguém, brancos e nulos alcança 21%, e não sabe/não responderam, 16%.

Seis em cada dez entrevistados (61%) afirmaram que não votariam em Bolsonaro. A segunda maior rejeição entre os candidatos mais citados é de Alckmin (56%), seguido por Marina (51%), Haddad (42%) e Ciro (38%).

Votariam com certeza em Bolsonaro 16%. A seguir vêm Haddad (11%), Ciro (8%), Marina (5%) e Alckmin (4%). Poderiam votar em Ciro Gomes 38%, seguido por Haddad (32%), Marina (28%), Alckmin (24%) e, por último, Bolsonaro (15%).

Avaliação dos candidatos

Entre os que conhecem bem e mais ou menos, a avaliação positiva de Haddad é maior do que a dos demais candidatos pesquisados. O petista é avaliado positivamente por 33% dos brasileiros; Ciro é o segundo melhor, com 31%. Na sequência, vêm Bolsonaro, com 28%, Marina, com 22%; e Alckmin, com 20%.

Já a avaliação regular registrou variação maior. Haddad (36%), Ciro (44%), Bolsonaro (18%), Marina (50%) e Alckmin (37%).

O que recebe pior avaliação na pesquisa Vox Populi é Bolsonaro, cujo percentual negativo atingiu 53%. Em segundo lugar vem Alckmin, com 40% de avaliação negativa, seguido de Haddad (29%), Marina (26%) e Ciro (21%).

A pesquisa monstra que 53% dos entrevistados sabem que Haddad é o candidato de Lula. O ex-prefeito de São Paulo é o menos conhecido entre os presidenciáveis: 42% informam saber de quem se trata, e outros 37% afirmam conhecê-lo só de nome.

Segundo turno

No hipotético cenário de segundo turno entre Bolsonaro e Alckmin, o ex-capitão venceria por 25% a 18%. Contra Marina, há empate técnico, com 24% para Bolsonaro e 26% para Marina. Ciro bate o candidato do PSL por 10 pontos: 32% a 22%. Haddad teria 36% contra 24% para Bolsonaro.

O Vox Populi também aferiu a percepção da sociedade sobre o ataque a faca sofrido por Bolsonaro, que se recupera em um hospital em São Paulo. A maioria absoluta, 64%, acredita que a facada foi um ato solitário de um cidadão “com problemas mentais”. Outros 35% acham que foi um ato planejado e com fins políticos. Para 49%, o episódio não rende votos; 33% pensam o contrário.

O Vox Populi ouviu 2 mil eleitores em 121 municípios entre 7 e 11 de setembro. A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais, para cima ou para baixo. O índice de confiança chega a 95%. A pesquisa está registrada no TSE sob o número BR-01669/2018.