Advertisement

Turismo de Niterói ganha reforço com CVB

Os Convention & Visitors Bureau são organizações que não visam lucro e agem como suporte para os vários...

Empresas / 09 Agosto 2018

Os Convention & Visitors Bureau são organizações que não visam lucro e agem como suporte para os vários setores que compõem o turismo. Não é uma ideia nova, nasceu no fim do século XIX em Detroit, nos EUA. Agora chegou a vez de Niterói, a "Cidade Sorriso", ganhar seu CVB, para contribuir com a geração de impactos positivos nos negócios de toda a cadeia produtiva do turismo local.

O Niterói Convention & Visitors Bureau será lançado no dia 15 de agosto, às 19h, no Espaço Orizzonte. Ricardo da Fonseca, presidente da organização destaca, já como ação, a reativação do Conselho Municipal de Turismo de Niterói, criado através da lei municipal nº 1290 de 07/06/1994 pelo atual deputado estadual Comte Bittencourt e que se apresenta como um fórum de discussões e proposições essenciais para a construção e implementação de uma política de turismo real e eficiente. O Conselho Municipal de Turismo de Niterói será formado por lideranças privadas e públicas da cidade, muitos convidados para o evento. Ricardo da Fonseca afirma que "a política de turismo deve ser pensada pelos empresários e agentes que atuam no segmento".

Além de promover a cidade com ações de comunicação e marketing, o Niterói Convention & Visitors Bureau pretende ser um vetor de aprimoramento da qualidade dos serviços oferecidos aos visitantes que buscam a cidade como destino para as mais diversas modalidades de Turismo. A entidade integra uma rede global de Conventions & Visitors Bureaux, distribuídos em 2,5 mil cidades pelo mundo, sendo 135 em cidades brasileiras e 16 das quais no Estado do Rio de Janeiro.

Fundado em 4 de maio de 2018, com o apoio da Federação dos Convention & Visitors Bureaux do Estado do Rio de Janeiro, a unidade niteroiense tem na sua atual diretoria o seguinte quadro: Ricardo da Fonseca (comunicação), Ana Franco (hotelaria), Rosana Alvarenga (eventos), Agnaldo Motta (agência de viagens), Ary Nichols (design gráfico), Marcelo Rezende (consultoria) e Pedro Costa (administração).