Advertisement

Senador pastor diz que ambientalistas que criticam agronegócio são "traidores da pátria"

Líder das Igrejas do Evangelho Quadrangular no Tocantins, Guaracy Silveira diz que ambientalistas querem apenas travar o progresso e o desenvolvimento do Brasil

Política / 07 Dezembro 2018

O senador Guaracy Silveira (PSDC-TO), líder das Igrejas do Evangelho Quadrangular no Tocantins, chamou nesta sexta-feira de "traidores da pátria" os brasileiros que criticam o agronegócio e incentivam o boicote aos produtos rurais. Para ele, muitos ambientalistas querem apenas travar o progresso e o desenvolvimento do Brasil ao pintar o país como "destruidor da natureza".

"As pessoas combatem os nossos agricultores porque não têm cheiro de terra, não conhecem, não vivem, querem fazer apologia da Amazônia tomando uísque e cerveja na Avenida Vieira Souto, ou na Avenida Paulista, ou em Londres, ou em Nova Iorque. Comete-se um crime contra a nação brasileira, cria-se a ideia de um aquecimento global que também não é verdade", disse, na tribuna.

Guaracy defendeu que a alimentação é mais estratégica do que a tecnologia. Para ele, o Brasil deve investir em se tornar o celeiro do mundo, o que permitirá ao país concorrer com as principais economias em um futuro próximo.

"Que fabriquem os chineses, japoneses, americanos, alemães os mais avançados computadores do mundo. Depois, nós vamos pegar um quilo de café e trocar por isso daí, vamos pegar um quilo de carne e vamos trocar".

 

Com informações da Agência Senado