Senado ouve Marcos Pontes sobre demissão do presidente do Inpe

Na Comissão de Meio Ambiente (CMA), ministro deve falar sobre crise no instituto que monitora desmatamento na Amazônia.

Política / 11:56 - 13 de set de 2019

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor

O futuro do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) será tema de audiência pública da Comissão de Meio Ambiente (CMA) na terça-feira com a presença do ministro da Ciência e Tecnologia, Marcos Pontes.
Os senadores pedirão explicações sobre a demissão do diretor do Inpe, Ricardo Galvão, subordinado ao ministro. Em julho, o instituto informou um aumento de 278% no índice de desmate, em comparação com o mesmo período do ano passado. O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, e o próprio presidente Jair Bolsonaro questionaram dados do instituto. O presidente teria dito que os dados são "mentirosos".
Desgastado, o Ricardo Galvão terminou sendo demitido no início de agosto, apesar de ter mandato até 2020. A saída de Galvão vem sendo criticada por ambientalistas, cientistas e acadêmicos.
Os requerimentos para o convite a Marcos Pontes foram apresentados pelos senadores Randolfe Rodrigues (Rede-AP) e Fabiano Contarato (Rede-ES), presidente da CMA. Na audiência pública, o ministro também terá a oportunidade de falar sobre as diretrizes da pasta para o Inpe e o monitoramento do desmatamento no país.

Agência Senado

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor