SEG NOTÍCIAS - Publicado cronograma de liberação da subvenção do seguro rural

Seguros / 16:16 - 7 de mar de 2016

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor

O cronograma de liberação dos recursos do Programa de Subvenção ao Prêmio do Seguro Rural (PSR) foi publicado nesta sexta-feira no Diário Oficial da União. Os recursos de R$ 400 milhões serão distribuídos mensalmente, conforme o período de plantio. A medida foi tomada na última reunião do Comitê Gestor Interministerial do Seguro Rural, na terça-feira (1º), e vai vigorar de junho a novembro deste ano. A ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Kátia Abreu, afirmou que o Governo Federal decidiu antecipar a divulgação dos valores do seguro rural - que tradicionalmente eram anunciados em junho, junto com o Plano Agrícola e Pecuário - para permitir que os produtores possam se planejar. "Todos os anos o seguro é anunciado junto com o milho safrinha, em junho. Nesse momento, já se plantou o trigo, o milho, já se colheu o feijão e o café. Então, tomamos a iniciativa de anunciar os valores do seguro agrícola no período certo, que é o anterior ao plantio e à colheita. Isso traz maior segurança aos produtores para negociar seu seguro e para tomar a decisão do plantio", disse a ministra. O secretário de Política Agrícola do Mapa, André Nassar, que anunciou a medida nessa quinta-feira, observou que as lavouras de maior risco - as das culturas de inverno e as frutas - continuarão a ter proteção. "Nós dimensionamos a subvenção para que, tanto nas lavouras de inverno quanto nas de frutas, o nível de proteção seja equivalente em termos de apólices e área a de 2014, quando houve recorde de proteção oferecido pelo seguro. Então, com R$ 400 milhões em recursos, estamos maximizando a proteção nas lavouras de maior risco, que precisam mais do seguro", explicou o secretário. O Diário Oficial da União também publicou a resolução do Comitê Gestor que eleva o percentual de subvenção para as apólices de trigo para 55%, tendo como nível de cobertura o percentual de 60%. O novo percentual se aplica apenas às apólices do tipo multirrisco (cobertura ampla) e será válido até dezembro de 2016. A partir de 2017, o percentual de subvenção para o trigo ficará entre 35% a 45%, dependendo do nível de cobertura de produtividade (60% a 65%, 70% a 75% e acima de 80%). . Cresce número de mulheres que contratam seguro para picapes e motos Levantamento da SulAmérica sobre contratação e utilização do seguro Auto aponta crescimento de 34% na contratação de seguros para picapes pesadas por mulheres entre 2013 e 2015, enquanto a alta registrada entre os homens foi de 25%. No mesmo período, as apólices para motos contratadas pelo público feminino subiram 16% - no masculino, houve decréscimo de 8%. O estudo também mostra que as mulheres utilizam mais determinados serviços de assistência 24h. Em comparação aos homens, as seguradas acionam 41% mais o borracheiro para troca de pneus e 56% mais o Motorista Amigo, serviço que busca o segurado e seu veículo onde estiverem e os transportam até seu destino. Por outro lado, o reboque é 15% menos utilizado por elas. Atualmente, as mulheres são maioria entre os clientes jovens do seguro de automóvel da SulAmérica. Entre os segurados que informaram seu perfil - sexo, idade e outros dados – elas representando 62% da carteira com faixa etária entre 18 e 25 anos e 59% do grupo com idades entre 26 e 35 anos. A maior parte das seguradas (71%) é condutora principal dos veículos e, por isso, tem acesso a uma série de serviços e benefícios exclusivos do produto SulAmérica Auto Mulher. Algumas das vantagens são: possibilidade de contratação da cobertura de isenção de franquia para o primeiro sinistro, ausência de limite para utilização da troca de pneus e auxílio mecânico ou reboque em caso de pane, disponibilidade de acompanhante à delegacia em caso de roubo ou furto e mais utilizações do serviço de Motorista Amigo, além uma central de atendimento exclusiva para assistência 24h e aviso de sinistro. "A SulAmérica está preparada para atender todos os perfis de consumidores. No caso do público feminino, estamos atentos às mudanças de comportamento das consumidoras, sempre observando esses dados para conceber produtos e serviços que atendam às necessidades que de tempos em tempos se renovam", afirma o vice-presidente de Auto e Massificados da SulAmérica, Eduardo Dal Ri. . Consumidor é estimulados a abrir pequenas empresas para ter acesso a plano de saúde A redução da oferta de planos de saúde individuais tem levado consumidores a abrirem pequenas empresas, já que as operadoras tem concentrado suas vendas em planos empresariais. Esses clientes, porém, nem sempre estão cientes de suas obrigações como empresa e correm o risco de ter problemas com o Fisco. O alerta é de Rosana Chiavassa, advogada especializada em Direito na área da Saúde: De acordo com ela, muitos têm recorrido a essa prática devido à redução da oferta de planos individuais, mas sem serem alertados quanto aos riscos gerados pela inadimplência com o Fisco. E a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) faz vista grossa para o problema, que é grave e exige ação firme. "Muitos sequer sabem que o próprio vendedor - não corretor - entra no site do Governo e abre uma empresa em nome daquele consumidor", alerta. Segundo ela, muitos destes contratos não são renovados após um ano de vigência e a empresa permanece aberta. "Quais serão as consequências fiscais para o consumidor que deixa de pagar o seu plano ou seguro saúde e não fecha a empresa que ele abriu apenas para 'fugir do SUS' e ter acesso a um serviço médico privado?", pergunta a advogada. "Infelizmente, a ANS está fazendo vista grossa ao grande inimigo do setor consumidor, que são os contratos de micro e pequena empresa (PNE)", lamenta Chiavassa. A preocupação da advogada com os consumidores procede, pois as consequências de se manter a empresa 'aberta' sem o pagamento dos tributos são gravíssimas. De acordo com o contador Irai Alves de Souza, da Kondonga Contábil, a falta de pagamento dos tributos à Receita Federal, além da tradicional e inevitável multas e juros, pode causar até o bloqueio de bens do consumidor. "Na condição de inadimplente com a Receita, ele não pode nem abrir uma nova empresa no regime simples", avisa o contador. Há tempos, a advogada critica a postura "silenciosa" da ANS, que sabe do agravamento da situação, mas não conversa com a sociedade e nem propõe uma solução. "O governo sabe que tem nas mãos um problema de solução difícil, que ficou ainda mais complicado com a decisão das grandes operadoras de tirar do mercado seus produtos para pessoas físicas", afirma a advogada. "Mas qualquer que seja a solução, ela terá um custo político. Assim sendo, o governo e a ANS não podem mais adiá-la. É o consumidor que está sofrendo com esta indecisão", assegura. . DESENVOLVIMENTO PROFISSIONAL
SulAmérica abre inscrições para programa de estágio A SulAmérica acaba de abrir inscrições para o processo seletivo de seu programa de estágio. Estão abertas vagas destinadas a universitários com previsão de formatura entre dezembro de 2017 e dezembro de 2018 Os interessados podem se candidatar até 10 de abril em http://site.vagas.com.br/estagiosulamerica. O estágio tem início previsto para junho de 2016 e duração de até dois anos. As oportunidades abrangem diversas formações acadêmicas, como Administração, Contabilidade, Economia, Estatística, Engenharia de Produção, Matemática, Direito, Marketing, Tecnologia da Informação e Ciências Atuariais, entre outras. Os estudantes aprovados na avaliação online de raciocínio lógico feita no ato da inscrição passarão por etapas presenciais de dinâmica de grupo e entrevistas. "O Programa de Estágio da SulAmérica reflete a constante busca da companhia por jovens talentos. Temos um excelente percentual de efetivação desses profissionais, que chega a 30%. Acreditamos que cada nova geração que chega na empresa traz contribuições decisivas para os contínuos processos de melhorias e inovação. Para a SulAmérica, é uma satisfação fazer parte da história profissional desses universitários que estão iniciando suas carreiras", comenta Patrícia Coimbra, diretora de Capital Humano e Sustentabilidade da SulAmérica. Os contratados terão como benefícios bolsa-auxílio compatível com o mercado, vale-refeição, vale-transporte e seguro de vida para acidentes pessoais. Outro diferencial é o programa de reconhecimento Estagiário Nota 10, que prevê aumento no valor da bolsa de estágio para aqueles que excederem as expectativas na avaliação da empresa. O Programa de Estágio SulAmérica acontece duas vezes ao ano. Em 2015, a companhia recebeu cerca de 26 mil inscrições e selecionou 140 candidatos para estagiar em diversas da companhia, entre Rio de Janeiro e São Paulo. . Golden Cross lança campanha de vendas para corretores do Rio Com o objetivo de ampliar sua participação no mercado do Rio de Janeiro, a Golden Cross lançou uma campanha de incentivo para os corretores que atuam no Estado. De acordo com o diretor comercial e de Marketing da operadora, Cláudio Brabo, a ação "Rio+Golden" irá premiar os profissionais com melhor desempenho nas vendas de planos empresariais de 03 a 99 beneficiários. "Trata-se de uma iniciativa que busca estreitar ainda mais os vínculos de relacionamento com o principal canal de distribuição da operadora. Além de premiações pelas vendas realizadas, vamos distribuir prêmios especiais para aqueles que tiverem a melhor performance em cada período de apuração", aponta o executivo. A campanha "Rio+Golden" contemplará as vendas realizadas até o dia 31 de julho de 2016. Os participantes poderão checar seu posicionamento no ranking geral e o regulamento completo no site desenvolvido especialmente para a ação www.riomaisgolden.com.br. . Yasuda Marítima reúne executivos do mercado segurador O Villa Bisuitti, na capital paulista, foi o palco para o lançamento oficial do seguro Auto Supremo Yasuda Marítima, mais recente lançamento da Yasuda Marítima, desenvolvido para atender às necessidades de proprietários de veículos com valor superior a R$ 100 mil. A apresentação ao mercado, em grande estilo, contou com performance teatral e banda do estilo de jazz dixieland (típica da cidade de Nova Orleães, nos EUA), que animaram a recepção aos representantes de entidades do mercado e corretores de seguros. A diretoria e a equipe de executivos da Yasuda Marítima e das empresas Autoglass, Ceabs, Localiza e Mondial apresentaram na ocasião as coberturas e serviços exclusivos que fazem parte do Auto Supremo. O evento também foi prestigiado por executivos do Conselho de Administração da companhia, formado por executivos do Grupo Sompo no Japão, Inglaterra, Turquia e Brasil. O seguro Auto Supremo Yasuda Marítima foi desenvolvido para atender proprietários de veículos nacionais ou importados, sobretudo de categorias como passeio, SUVs, esportivos, superesportivos e picapes, além de carros blindados. Ao contratar o produto, o segurado passa a contar com uma série de coberturas e serviços personalizados, a exemplo da cobertura completa de vidros (comuns ou blindados), no qual estão incluídos para-brisa, vidros laterais, traseiros, faróis, lanternas e retrovisores convencionais, além dos faróis, incluindo faróis de milha, lanternas, teto solar, estendendo cobertura para os itens xênon ou led. O produto também conta com cobertura para faróis de milhas e teto solar/panorâmico e cobertura adicional de extensão para 0 km por 12 meses. Além disso, o seguro conta com as opções de cobertura contra danos morais, materiais e corporais, acidentes pessoais de passageiro, bem como rastreador cedido em regime de comodato, conforme modelo do veículo e região de circulação. Em caso de sinistro, o segurado terá direito a um veículo sedan médio 2.0 completo (no Plano Executivo) ou veículo estilo sedan de luxo completo (Plano Luxo) como carro reserva. Um fator importante diz respeito às Oficinas Supremo, uma rede de serviços especializados em veículos dos segmentos luxo e esportivos, estabelecida para atender ao segurado Auto Supremo. Todas são referenciadas pela Yasuda Marítima e contam com equipamentos que propiciam meios para a reparação de veículos nos padrões de qualidade exigidos por clientes do produto, além do Cliente ter opções de livre escolha nas localidades que não possuem Oficinas Supremo. O Serviço de Assistência 24 Horas do Auto Supremo traz uma série de serviços personalizados para o segurado. Entre eles estão: Concierge (indicação de restaurantes, pontos turísticos, shows, cinema, informações sobre costumes locais, etiquetas e protocolo, indicação de profissionais, lojas, centros comerciais, serviços de PET, beleza e automotivos, entre outros), Help Desk (assistência para computadores, notebooks, smartphones e tablets), Telesaúde (instruções sobre os melhores procedimentos em caso de urgência médica), Orientação Psicológica (para situações de impacto emocional como conflito familiar, assédio, dependência química, doenças crônicas etc). Para Francisco Caiuby Vidigal Filho, presidente da Yasuda Marítima Seguros, "a Yasuda Marítima tem a estratégia de investir cada vez mais no lançamento e incremento de produtos e serviços para atender corretores e segurados de todos os perfis e ser reconhecida como a empresa com a melhor qualidade em serviços de seguros. Esse é o terceiro produto que lançamos em menos de dois meses e nossa expectativa é a de trazer ainda mais novidades neste ano". . SEGURO CIDADÃO
Corrida "Pela valorização da mulher" - O Hapvida promove uma ação especial pra o Dia Internacional da Mulher. Na manhã de 8 de março, os integrantes do +1K vestirão camisas nas cores azul e rosa com o objetivo de alertar os fortalezenses sobre a importância do reconhecimento do papel feminino na sociedade. A iniciativa, que acontecerá na Avenida Beira Mar, em Fortaleza, também apoiará o combate à violência contra a mulher. Os números comprovam que a causa precisa de atenção, pois, só no Ceará, uma média de 11 mulheres são agredidas por dia, segundo a Secretaria de Segurança e Defesa Social. O cenário no Brasil também é alarmante: nos dez primeiros meses de 2015, do total de 63.090 denúncias de violência contra a mulher, 31.432 corresponderam a denúncias de violência física (49,82%) e 19.182 de violência psicológica (30,40%) e 4.627 de violência moral (7,33%), entre outras violências (12,45%), de acordo a Central de Atendimento à Mulher, da Secretaria de Políticas para as Mulheres da Presidência da República. Diante disso, os "Corredores do Bem" vão correr uniformizados em favor da valorização da mulher em todos os sentidos, para que ela seja ouvida e respeitada. O percurso de 4km terá início na Casa do Turista, no calçadão da Beira mar, seguindo para antigo mercado dos peixes e retornando até o Náutico. Segundo Simone Varella, diretora de Comunicação e Marketing do Hapvida, esta é a primeira de muitas corridas temáticas, sendo uma ferramenta de mobilização e conscientização para assuntos relevantes para a sociedade. "O Hapvida acredita que a saúde também é questão de propósito. As pessoas precisam se engajar no compromisso de construir uma vida mais saudável. Isso também passa por uma transformação da sociedade e pelo desenvolvimento de um ambiente melhor para se viver", comenta. A assessoria de Corrida +1K, promovido do Hapvida, reúne 1.800 pessoas que praticam gratuitamente o esporte com acompanhamento de profissionais de educação física em seis pontos da cidade (Aeroporto, Avenida Beira Mar, Bezerra de Menezes, Cambeba, Lago Jacarey e Parque do Cocó). Os encontros ocorrem em dois horários, 6h e 19h, com turmas nas segundas e quartas-feiras ou terças e quintas. Para participar é preciso fazer o cadastro reserva no site www.hapvida.com.br/mais1k. . ENDOSSANDO
Berkley completa uma década de operação no Brasil Em 2006 iniciava-se o projeto de uma das companhias que mais têm se destacado no mercado securitário, não só no ramo de Seguro Garantia, seu foco inicial, como em outros segmentos que têm consolidado a marca Berkley no Brasil. Embora a autorização da companhia tenha sido publicada em 25 de janeiro de 2006, a operação teve início, efetivamente, no dia 1º de março do mesmo ano, data em que foi emitida a primeira apólice da Berkley. A missão de atuar no mercado local foi confiada a um grupo de quatro executivos e, dois anos depois, um deles, José Marcelino Risden, assumiu o comando dos negócios como presidente da seguradora, função que desempenha até hoje. "Em todo esse tempo, o objetivo sempre foi a consolidação da Berkley como referência de seguradora que visa o resultado e prima pela excelência na qualidade de seus produtos e serviços. Hoje vemos que, de fato, temos esse reconhecimento", avalia o presidente. A Berkley fechou o ano de 2015 com um crescimento de 27,8% em prêmios emitidos. Os ativos totais no valor de R$ 325 milhões representam incremento de 28,4%comparados ao saldo registrado no ano anterior. Segundo balanço da companhia, o total das provisões técnicas atingiu o montante de R$ 196,1 milhões, um acréscimo de 28,2%, quando comparado aos R$ 152,9 milhões de dezembro de 2014.O lucro líquido na ordem de R$ 12,7 milhões foi 42,7% maior que o do exercício de 2014, quando a companhia atingiu R$ 8,9 milhões. Para o vice-presidente executivo, Robert Hufnagel, que atua há 03 anos na Berkley, a performance é baseada em um crescimento sustentável, já que a companhia mantém o incremento até mesmo em produtos que foram atingidos pelos impactos negativos da economia brasileira, como o Seguro Garantia e a carteira de Riscos de Engenharia. Segundo ele, segmentos como Responsabilidade Civil, tanto Geral como Profissional, assim como o Seguro de Transporte Embarcador e Seguro Eventos, tiveram crescimento expressivo no último ano. "Conseguimos atingir maior produtividade, através de um sistema diferenciado, que tem ampliado a efetivação de negócios, e da readequação de processos. A crise nos faz pensar fora da caixa, com foco no crescimento aliado à lucratividade", ressalta Robert Hufnagel. Outro destaque no último ano está relacionado ao mercado do Interior de São Paulo, um dos mais importantes do cenário nacional, tanto no agronegócio, na indústria, quanto no setor de serviços. De acordo com o diretor comercial Carlos Gabriel Prezenszky, como resultado de uma estratégia bem definida e ações devidamente implementadas, a Berkley atingiu um crescimento em prêmios emitidos de 63,8% em 2015 na região. "Nossa intenção é ampliar ainda mais nossa participação nesse mercado, reforçando nosso atendimento aos corretores com novos profissionais especialistas em nossos produtos". Focada em crescimento e na busca de novas oportunidades, a companhia tem investido em tecnologia em sistemas on-line que proporcionam a seus corretores agilidade para a efetivação de negócios nas diferentes linhas operadas hoje no país. Com uma marca consolidada, a unidade no Brasil é considerada um dos mais importantes players do Grupo W. R. Berkley na América Latina, não apenas pelo crescimento, mas pelo formato da companhia, que tem seu modelo hoje adotado em outros países, como a unidade da Berkley na Colômbia. "O acionista nos vê com outros olhos. Mesmo com a economia instável, conseguimos uma performance positiva, devido ao esforço de toda a equipe. A Berkley como um todo está mudando, passando de multinacional para um empresa globalizada, conforme as diretrizes mundiais", considera o vice-presidente Robert Hufnagel. Sua estrutura, baseada em pequenos e médios riscos tem destacado a companhia no mercado brasileiro, evidenciando que a Berkley está preparada para os desafios futuros da economia e do mercado securitário. "A Berkley é um case de sucesso e isso se deve à nossa estreita relação com o mercado de corretores e ao empenho de todos os colaboradores que fazem parte da nossa história", finaliza o presidente José Marcelino Risden.

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor