Advertisement

SEG NOTÍCIAS  - Crescimento de planos de saúde continua lento

Seguros / 05 Junho 2018

A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) atualizou os dados do setor de planos de saúde que são publicados na Sala de Situação, ferramenta disponível para consulta no portal da Agência. Os números relativos a abril reafirmam a tendência de estabilidade que vem sendo observada no setor em 2018, com crescimento no comparativo mensal e ligeiro aumento no comparativo dos últimos 12 meses, encerrados nesse mês.

São 47,3 milhões de beneficiários em planos médico-hospitalares, cerca de 216 mil a mais do que o número registrado em março, e 34,7 mil a mais em relação a abril do ano passado. Os planos exclusivamente odontológicos mantêm a trajetória de crescimento observada nos últimos anos e registraram, em abril, 23,1 milhões de beneficiários, aumento de cerca de 212 mil usuários na comparação com o mês anterior e de 1,3 milhão em relação a abril de 2017. É importante notar que os números podem sofrer modificações retroativas em função das revisões efetuadas mensalmente pelas operadoras.

A maioria dos estados registrou aumento no número de beneficiários de planos de assistência médica no último ano. O crescimento foi observado em 16 Unidades Federativas: Amazonas, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Minas Gerais, Paraíba, Paraná, Piauí, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Sergipe e Tocantins. O Paraná registrou o maior crescimento em números absolutos: 43,5 mil usuários a mais no período, seguido por Minas Gerais (36,4 mil), Santa Catarina (32,1 mil) e Ceará (31 mil).

Os planos de saúde exclusivamente odontológicos, por sua vez, registraram crescimento em 24 estados do país. Somente três Unidades Federativas apresentaram queda na comparação anual: Alagoas, Rondônia e Roraima.

 

Consulta pública sobre boas práticas em atenção à saúde - A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) começa a receber, a partir desta terça-feira (05/06), contribuições para a Consulta Pública nº 66, que trata do Programa de Certificação de Boas Práticas em Atenção à Saúde. Os documentos relativos ao tema estão disponíveis no portal da reguladora. O objetivo da consulta é reunir informações, subsídios, sugestões ou críticas relativas à proposta de Resolução Normativa que institui o programa. As contribuições poderão ser feitas até o dia 04/07, através de formulário específico já disponível.

“A consulta pública é uma etapa fundamental para a instituição de um programa justo e adequado, que efetivamente contribua com a mudança dos modelos assistencial e de remuneração de prestadores no Brasil”, ressalta Rodrigo Aguiar, diretor de Desenvolvimento Setorial ANS. O Programa de Certificação de Boas Práticas em Atenção à Saúde busca induzir melhorias no setor através da certificação de operadoras que desenvolverem projetos relacionados à melhoria do acesso à rede de prestadores, à qualidade da atenção à saúde e à experiência dos beneficiários de planos de saúde.

A primeira iniciativa do programa é o Projeto de Atenção Primária à Saúde (APS), que foi apresentado pela ANS em abril, durante divulgação da Agenda para o Desenvolvimento Setorial. O Projeto APS prevê a concessão, por intermédio de entidades acreditadoras independentes, de um selo de qualidade às operadoras que cumprirem requisitos pré-estabelecidos relacionados a essa temática. O objetivo de instituir o selo APS é estimular a qualificação, o fortalecimento e a reorganização da atenção básica, por onde os pacientes devem ingressar no sistema de saúde.

O projeto propõe ainda o estimulo à implementação de modelos inovadores de remuneração de prestadores no setor e a implementação de indicadores de atenção primária, em conformidade com evidências científicas, para monitoramento dos cuidados primários na saúde suplementar. Ainda, está sendo discutida uma parceria com o Banco Nacional de Desenvolvimento Setorial (BNDES) para fomentar a implementação de projetos em APS nas operadoras de planos de saúde.

Estão disponíveis para consulta a minuta de Resolução Normativa e todos os anexos, entre eles o Manual de Certificação em Boas Práticas em Atenção Primária em Saúde, que define o conceito de APS e detalha os critérios que devem ser adotados pelas operadoras de planos de saúde e entidades acreditadoras interessadas em aderir à iniciativa.

 

Gerenciamento de Riscos é a solução para quem deseja evitar roubo de cargas - Os números de violência são alarmantes e uma das consequências atinge diretamente o bolso do consumidor e dos próprios empresários. O roubo de cargas, um dos piores problemas de segurança atualmente, tem sido destaque nas notícias e as áreas mais atingidas são os estados do Rio e São Paulo. Na primeira, os números de março deste ano são 3,5 vezes maiores que os do mesmo período de 2013, subindo de 262 para 917 registros em apenas cinco anos. Para contornar essa situação e continuar atendendo os clientes, muitas empresas que realizam entregas no estado optam por contratar os serviços de gerenciamento de riscos.

“A equipe de GR possui ferramentas importantes de pesquisa para definir alguns parâmetros internos ideais de transporte, de acordo com o risco de cada carga, como a pesquisa de perfil. Essa estratégia é importante por ser a primeira barreira imposta pela empresa para proteger o processo e evitar atividades criminais”, afirma Guilherme Goulart, um dos sócios da Mundial Risk.

A MR é uma empresa de gerenciamento de riscos que oferece aos seus clientes projetos personalizados de acordo com a necessidade de cada um deles. Utilizando tecnologia de ponta para garantir eficiência e produtividade, a Mundial Risk desenvolve junto às suas respectivas seguradoras, planos de riscos formatados de acordo com as características do transporte que será realizado e as necessidades do embarque.

“Sempre formatamos regras pré-estabelecidas de rota, pontos de parada, ponto de pernoite, horário de rodagem etc., além da correta interação com a central de rastreamento para que sejam informadas anormalidades imediatamente ao acionar o botão de pânico. Orientamos os motoristas que qualquer detalhe pode fazer a diferença”, explica Goulart. “Ou seja, traçamos e acompanhamos cada movimento da carga para que, caso aconteça alguma coisa, possamos tomar providências imediatas”, completa.

Na maioria das vezes, um detalhe pode fazer a diferença. Segundo o especialista, prestar atenção se está sendo seguido, desconfiar de motos que não ultrapassam o veículo, escolher pontos com iluminação e segurança adequada, não falar com outras pessoas sobre a carga que está sendo transportada, são apenas algumas das atitudes que precisam ser tomadas: “São ‘meros’ detalhes que fazem toda a diferença no plano estratégico da central de GR”, define.

 

Presença no 3º Congresso de Corretores de Seguros do Nordeste (Fenacor) - Para comentar sobre os principais desafios e oportunidades que o Nordeste oferece ao mercado de seguros, Luis Gutiérrez, presidente do Grupo Segurador Banco do Brasil e Mapfre nas áreas de Auto, Seguros Gerais e Affinities, esteve presente na 3ª edição do evento da Fenacor, o maior e mais importante encontro do mercado de seguros do Nordeste. O evento aconteceu nos dias 31 de maio e 01 de junho no Centro Cultural e de Exposições Ruth Cardoso, em Maceio (AL).
Gutiérrez foi um dos palestrantes do painel “CEO de Seguradora” e trouxe informações relevantes sobre o desempenho da companhia na região nordeste, assim como as carteiras que mais cresceram.
Jonson Marques de Sousa, diretor comercial da Rede MAPFRE, também participou do evento, em painel com diretores técnicos, discutindo sobre as enormes possibilidades do mercado de seguros.
“O mercado de seguros no Nordeste apresenta uma excelente oportunidade de crescimento. O poder de compra do nordestino avança a cada ano e nós acreditamos que o seguro tem muito espaço para se desenvolver na região”, comenta Luis Gutiérrez.
O evento, que contou com o apoio institucional da Federação Nacional dos Corretores de Seguros – Fenacor, do Sindicato das Seguradoras Norte Nordeste – Sindseg N/NE, do Sindicato das Seguradoras da BA/SE/TO e da Escola Nacional de Seguros (Funenseg), teve como tema central “Adaptando-se às mudanças – evoluir conservando os princípios”.
Na ocasião, foi realizada ainda a cerimônia de posse da diretoria da Fenacor.

Mais três seguradoras receberão lista de sugestões da comissão criada pelo CCS-RJ. As propostas contidas no documento visam à venda de seguro Auto em regiões de maior risco no Rio.
A Mapfre foi a primeira seguradora a receber, em 15 de maio. Nesta terça-feira, dia 5 de junho, será a vez da Tokio Marine e Bradesco, às 14h e às 15h, respectivamente, na sede do CCS-RJ, no Centro do Rio. Às 17h, diretores e membros da comissão irão entregar as sugestões na sede da Porto Seguro.
O documento elaborado pela comissão de corretores de seguros formada após o 1º Encontro de Corretores de Seguros da Baixada Fluminense, Zona Norte e Zona Oeste, promovido pelo Clube dos Corretores do Rio de Janeiro (CCS-RJ) e pela Associação dos Corretores de Seguros da Baixada Fluminense (ACBF), contém sete sugestões para solucionar os impactos negativos da violência na venda do seguro Auto nas regiões mais afetadas do Estado.
“Estamos otimistas com a possibilidade de as companhias colocarem em prática as soluções apresentadas. As seguradoras se dispuseram a unir forças com os corretores para superar esse desafio e promover a manutenção dos seguros de automóveis na Baixada Fluminense, Zona Norte e Zona Oeste da região Metropolitana do Rio de Janeiro. O objetivo também é reduzir a concorrência predatória das associações e cooperativas que vendem proteção veicular nestas localidades”, argumenta o presidente do Clube, Jayme Torres.

 

IKÊ assistência renova certificação - Na última semana, a Ikê Assistência Brasil renovou a certificação ISO 9001:2015. O selo, que compõe um grupo de normas técnicas, estabelece um modelo de gestão de qualidade que comprova a capacidade de fornecer produtos e serviços aderentes às necessidades do cliente.
Tendo como princípios o foco no cliente, a liderança, o engajamento das pessoas, a abordagem de processos, melhorias contínuas, tomada de decisão baseada em evidências e a gestão de relacionamento, o selo foi recebido pelas atividades de prestação de serviços de assistência 24 horas, concierce e teleatendimento.
Fundada no México em 1988 e com filiais nas Américas Latina e Central, a Ikê Assistência atua no Brasil há dez anos ofertando serviços de assistência 24 horas, Concierge e BPO aos setores bancário, varejista, de seguros e de cartões de crédito. É sócia da International Assistance Group (IAG), rede global de empresas independentes de assistência, presente em 180 países. Entre seus principais clientes no Brasil destacam-se Chubb, Assurant, Zurich-Santander, Zurich, CitiBank, Ipiranga, HDI, ENEL, Mastercard e Sompo.

 

Rodobens Corretora de Seguros implementa novo canal de vendas -A Rodobens está com um novo canal para aumentar sua receita e, ao mesmo tempo, gerar lucro aos parceiros. Por meio de sua corretora de seguros, a empresa acaba de lançar o canal “Parceiros Digitais”. A estratégia pretende aumentar a produção de seguros em 25% em um ano.
A unidade comercial, que atualmente já conta com 400 parceiros para a venda de seguros em todo o Brasil (incluindo corretores de seguros credenciados para comercialização de apólices e consultores para indicações), pretende aumentar esta base para 800 até o final de 2018 e dobrar em 2019. Com isso, o prêmio emitido que hoje gera cerca de R$ 320 milhões/ano deve passar para R$ 400 milhões/ano em 2019.
Os interessados em empreender com a Rodobens devem fazer um pré-cadastro no site
www.parceiros.rodobens.com.br e, após terem seu perfil avaliado pela empresa, serão recrutados para um treinamento oferecido pela Universidade Rodobens (plataforma on-line). Além disso, aqueles parceiros que desejam se tornar um corretor de seguros terão a possibilidade de realizar treinamento para obter esta certificação. A Rodobens fechou uma parceria com a Fundação Escola Nacional de Seguros (Funenseg) para isso.
 

Aplicativo Trânsito+gentil pode dar prêmios e descontos de até 35% - Com o objetivo de contribuir para um trânsito mais gentil e promover o respeito entre os motoristas, o Porto Seguro Auto lança, neste mês, o aplicativo Trânsito+gentil. "Além de contribuir para a melhoria no tráfego, o app pode diminuir o preço do seguro em até 35% no Porto Seguro Auto Jovem (para quem tem entre 18 a 24 anos). Com isso, o Corretor tem mais uma opção para atrair novos negócios e aumentar a sua carteira de clientes", afirma Jaime Soares, Diretor do Porto Seguro Auto. A plataforma gratuita pode ser baixada pelo Android ou IOS.

De acordo com a Confederação Nacional das Empresas de Seguros Gerais (CNseg), estima-se que 70% dos veículos que circulam no Brasil estão descobertos. Ao lançar esse produto, o Porto Seguro Auto estimula a inclusão securitária e incentiva os segurados e não segurados a contribuírem para um trânsito melhor, transformando o bom comportamento em descontos e premiações de R$ 200 a R$ 4.000.

Ao baixar e se cadastrar no app, todos os usuários ganham 3% de desconto ao contratar ou renovar com o Porto Seguro Auto. Além disso, nos estados de São Paulo, Minas Gerais, Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul e Bahia, os motoristas com zero ponto na habilitação somam mais 7%, podendo chegar a 10% no total de descontos.

Já os condutores de 18 a 24 anos, além desses descontos, podem ganhar até 15% pela maneira como dirige e ainda, ao realizar os cursos online Direção Segura e Emocional, garantem mais 10% de desconto no Porto Seguro Auto Jovem, somando-se 35% para este público.

Os benefícios para o corretor: o app pode ampliar o relacionamento com o cliente, pois qualquer usuário que não têm vínculo com o Porto Seguro Auto poderá ter uma experiência e, assim, gerar novos negócios ao corretor; segurados e possíveis clientes terão acesso a descontos e prêmios ao utilizaram o app Trânsito+gentil; o app é mais um atrativo para o Corretor oferecer ao seu cliente. Por isso, é muito importante conhecer suas funcionalidades para explicar e incentivar o uso da ferramenta.

 

Bolsa em baixa e dólar em alta - O mercado de ações operava, às 17h30 desta terça-feira (5), em baixa de 1,49% com o Ibovespa recuando para 76.641 pontos. O dólar comercial em alta de 1,78% vendido a ?R$ 3,81. O euro registrava ganho de 1,99% cotado a R$ 4,469 pontos.

 

DESENVOLVIMENTO PROFISSIONAL

SulAmérica realiza 2ª edição dos "Lean Days"  - A SulAmérica, maior seguradora independente do País, promoveu a 2ª edição dos "Lean Days", série de três eventos com o objetivo de disseminar os benefícios da filosofia de gestão adotada pela seguradora, que preza pela redução de desperdícios e pela resolução sustentável de problemas.

Os eventos aconteceram na Central de Atendimento da SulAmérica, localizada no centro da capital paulista, na matriz da companhia no Rio de Janeiro e na sua sede em São Paulo – nos dias 10, 17 e 24 de maio, respectivamente. No total, mais de 1.700 pessoas, entre colaboradores e convidados externos de empresas como Lean Institute, Magazine Luiza e Qualicorp, participaram das oficinas e palestras promovidas pela SulAmérica.

O vice-presidente de Operações e Tecnologia, Marco Antunes, e a superintendente de Processos, Luciana Gomes, apresentaram a trajetória da implementação da metodologia lean na companhia e destacaram algumas das propostas mais bem sucedidas e que agregaram valor para o cliente, gerando resultados positivos, como os fluxos de processos de reembolso e do pagamento de oficinas. "Trilhar a cultura lean significa não só transformar as operações, mas abrir novas oportunidades estratégicas", afirma Antunes. Vencedores do concurso, dois grupos de funcionários embarcarão para um curso sobre excelência em serviços na Disney (EUA)

De acordo com o executivo, mais do que um conjunto de ferramentas, o lean é uma forma diferente de pensar e trabalhar. Na companhia, a metodologia faz parte da estratégia do Plano de Transformação, que se apoia em 4 pilares: Visão do Cliente, Excelência Operacional, Cultura Organizacional e Novo DNA de Gestão de Saúde. "A resolução de problemas, a promoção de melhorias e o compartilhamento são essenciais para a criação e disseminação de uma cultura lean. E no caso da SulAmérica, toda a organização está envolvida nesse desenvolvimento", completa.

No último dia do evento, o presidente da SulAmérica, Gabriel Portella, apresentou os vencedores do concurso de A3 corporativo, que teve como objetivo formar e reconhecer os multiplicadores lean na seguradora. Ao todo, foram selecionados os dois melhores A3s, um na categoria Foco do Cliente e o outro em Excelência em Produtividade. Os colaboradores dos grupos vencedores ganharam uma viagem para Orlando. Lá, eles terão a oportunidade de combinar lazer e aprendizado com o curso Imersão na Disney – A Magia e os Segredos da Excelência em Serviços. A premiação inclui passagem, hotel, refeições, traslado e inscrição no treinamento.

Além das palestras, o cronograma de atividades dos eventos contou com exposição dos A3s finalistas, Sala Escape de 15 minutos e Sala Pílula com dinâmicas e atividades para sensibilizar alguns princípios e ferramentas do lean, como: trabalho padronizado, 5S, fluxo contínuo, entre outros. Em abril deste ano, a seguradora registrou mais de dois mil colaboradores treinados para aplicação do lean nas respectivas áreas e mais de 1.600 treinados em A3. A metodologia é aplicada internamente de forma contínua por meio módulos presenciais, e-learning (Universidade Corporativa), além de visitas às áreas (gembas) para compartilhamento de experiências entre as equipes.

Cursos do CVG-SP acontecerão nas dependências da Fundação - CVG-SP e FECAP (Fundação Escola de Comércio Álvares Penteado) firmaram acordo educacional em almoço promovido no último dia 24. Pela parceria, todos os cursos presenciais do CVG-SP passarão a ser ministrados nas dependências da faculdade, preferencialmente no campus Liberdade. Futuramente, pretendem incluir EAD e metodologias mais modernas aliadas com o universo executivo.

“Essa parceria com a FECAP é e será muito importante para o futuro”, afirma Silas Kasahaya, presidente do CVG-SP. “Para a instituição, é uma honra e um orgulho firmar essa parceria com o CVG-SP, na qual acreditamos que podemos gerar muitas sinergias na direção da melhoria dos profissionais e fomento do setor”, completa Edison Simoni, reitor da Fundação.
Segundo o vice-reitor, Taiguara Langrafe, a parceria também representa uma união da rede de relacionamentos e do histórico na formação de pessoas que o CVG-SP já possui no setor, com o histórico da Fecap na área de contabilidade, finanças e gestão. "É uma união que, certamente, gerará muitos benefícios. Proveremos uma educação com a maior qualidade possível", conclui.
“O Clube fez 37 anos no último dia 25 e estamos comemorando esta data com esta parceria com a FECAP, que demonstra que estamos trabalhando muito alinhados para preparar o CVG-SP para o futuro, que é uma das propostas de minha gestão. O mercado mudou, os clientes mudaram e a gente precisa investir um pouco mais na formação e desenvolvimento. E, a parceria com a FECAP vem de encontro aos nossos esforços de oferecer melhores condições para o aprendizado de nossos alunos, agregando ainda maior valor à nossa história”, afirma Silas Kasahaya.

 

 

ENDOSSANDO

SulAmérica capacita 85% de colaboradores com Universidade Corporativa -  A SulAmérica, maior seguradora independente do País, treinou 85% de seus cinco mil colaboradores por meio de cursos da Universas - Universidade Corporativa da SulAmérica em 2017. Foram 25.998 participações em treinamentos, que somaram 47.695 horas de colaboradores em curso.

"No último ano, a nossa estratégia de desenvolvimento corporativo foi focada no equilíbrio do mix entre ações presenciais e online", diz Patrícia Coimbra, diretora de Capital Humano e Sustentabilidade da SulAmérica. "A resposta dos colaboradores foi muito positiva. Observamos um aumento de 6% no fator treinamento da nossa pesquisa de engajamento e de 8% na percepção de atendimento das necessidades de desenvolvimento por meio dos cursos oferecidos".

A Universas foi desenvolvida com o objetivo de promover o desenvolvimento profissional da equipe interna da SulAmérica. Em 2017, foram lançados 31 cursos presenciais, para profissionais e líderes, e 7 novos cursos online. Ao todo, foram promovidos 330 diferentes cursos em todas as áreas. Os temas com maior adesão foram os voltados para carreira e autoconhecimento.

 

Evento da APTS e ENS sobre insurtechs – Nesta segunda-feira (4), com os reflexos da greve dos caminhoneiros, a APTS e a Escola Nacional de Seguros reuniram mais de cem pessoas para discutir o tema Insurtechs, em São Paulo. Entre os cases de sucesso apresentados, estava o Segurize.
O CEO da empresa, Keyton Pedreira, contou que criou a insurtech, juntamente com outros sócios, para estimular a distribuição de seguros: seu foco foi o microsseguro, produto de baixo tíquete, que acabou inviabilizado pelos custos dos canais de distribuição tradicionais.
A partir de modelos de negócios disruptivos, como Uber e Airbnb, ele teve a ideia de trazer esse conceito para o seguro. “Constituíamos a Segurize como corretora de seguros, criando o quinto canal: os insurance influencers”, explicou. Segundo Pedreira, por meio do uso de aplicativo, as pessoas que indicarem seguro para outras serão remuneradas caso o negócio seja concretizado. “O modelo é o da indicação, mas o negócio é fechado pela Segurize corretora”, completou.
De acordo com o representante da Câmara Brasileira de Comércio Eletrônico (câmara-e.net), Caetano Altieri, também presente no evento, existem mais de 1,5 mil insurtechs em todo o mundo, a maioria concentrada no e-commerce e plataformas sob demanda.
No Brasil, as insurtechs são mais recentes, mas já somam 78 startups em operação. Deste grupo, 40% atuam no segmento de produtos, 28% em data e analytics e 12% na jornada do usuário. De acordo com Altieri, a câmara-e.net agora integra o grupo de trabalho da Susep na área de insurtechs e pretende oferecer subsídios para a regulamentação do segmento. “Vamos construir uma proposta de valor para apoiar as insurtechs”, disse em sua exposição.
A APTS e a ENS realizarão uma série de eventos mensais e gratuitos para disseminar o conhecimento sobre esse assunto para todos os profissionais do mercado. O próximo será realizado no dia 27 de junho, e discutirá a Internet das Coisas.

 

HAPPY HOUR

‘Prefiro o paraíso pelo clima, o inferno pela companhia’

Mark Twain