Advertisement

Roger Waters: 'EUA tirem as mãos da Venezuela'

Ex-Pink Floyd acusa

Internacional / 04 Fevereiro 2019 - 18:10

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor

O músico britânico Roger Waters divulgou neste domingo uma mensagem contra o que chamou de tentativa de golpe dos Estados Unidos para derrubar o presidente da Venezuela, Nicolás Maduro.

Segundo Waters, trata-se de uma "insanidade" do governo norte-americano, que quer destruir a "real democracia" venezuelana para que a elite formada pelo 1% mais rico possa "pilhar" o petróleo daquele país. "Estados Unidos, tirem as mãos", tuitou o músico, acompanhado da hashtag #StopTrumpsCoupInVenezuela.

Também no domingo, o presidente norte-americano, Donald Trump, afirmou que o envio de militares à Venezuela "é uma opção". Em entrevista a rede de TV CBS, Trump disse que Maduro teria solicitado uma reunião, mas o pedido foi recusado pelo norte-americano, "porque estamos muito longe no processo".

Pró-Maduro: milhares na rua

Nesta segunda-feira, os venezuelanos comemoraram os 27 anos da insurreição de 1992 na qual Hugo Chávez e uma série de militares nacionalistas liderados por ele tentaram tomar o poder das mãos do neoliberal Carlos Andrés Pérez.

Em comemoração à tentativa de acabar com o regime de fome que assolava a Venezuela de então, milhares de venezuelanos foram às ruas em várias cidades do país, protestos que também servem para demonstrar o apoio ao governo de Nicolás Maduro e o rechaço à direita golpista.

Estados como Lara e Miranda tiveram suas ruas cheias de chavistas, que são maioria dentro da classe trabalhadora e do povo venezuelano, em constante mobilização popular a favor de Maduro.

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor