Relator da Previdência diz que não é possível avançar com reforma no atual cenário

Política / 19 Maio 2017

O relator da reforma da Previdência, deputado Arthur Oliveira Maia (PPS-BA) divulgou nesta quinta-feira nota em que afirma que não é possível avançar com a votação da proposta no atual cenário político. Para o deputado, a hora é de arrumar a casa, esclarecer os fatos e criar as condições para que a análise do texto seja retomada.

O parecer de Maia ao texto do governo (PEC 287/16) foi aprovado no último dia 9 na comissão especial e deve ser votado agora ano Plenário da Câmara dos Deputados.

 

Paim comemora retirada da pauta - "O discurso do presidente da República, Michel Temer, não foi o fato mais importante ocorrido na quinta-feira. Foi a retirada das reformas trabalhista e previdenciária da pauta do Congresso Nacional". A avaliação foi feita pelo senador Paulo Paim (PT-RS) em pronunciamento hoje no Plenário do Senado, que elogiou a iniciativa do relator da reforma trabalhista (PLC 38/2017) nas Comissões de Assuntos Econômicos e de Assuntos Sociais, senador Ricardo Ferraço (PSDB-ES), de suspender a análise da proposta. Segundo ele, esses temas interessam a mais de 200 milhões de brasileiros.

 

Com informações da Agência Câmara Notícias e da Agência Senado