Advertisement

Rejeição a Moro salta, em um ano, de 22% para 55%

Política / 20 Julho 2018

Nunca antes na história da Lava Jato o prestígio público do juiz Sérgio Moro esteve tão baixo. Segundo a pesquisa “Barômetro Político”, realizada pelo instituto Ipsos para o Estadão, o juiz, que chegou a ter índices de aprovação de 69% em maio do ano passado – quando só tinha 22% de reprovação – baixou para 37% de apoio e 55% de rejeição.
Já o ex-presidente Lula continua sendo o candidato com maior taxa de aprovação (45%) e o de menor índice de rejeição entre os principais nomes na disputa presidencial.
A pré-candidata da Rede, Marina Silva, tem 63% de rejeição, estatísticamente igual a Ciro Gomes (65%) e a Jair Bolsonaro (64%) e um pouco menos que Geraldo Alckmin (70%). O campeão da rejeição é o presidente Michel Temer, que contabiliza 93% de reprovação.