Prorrogado o prazo para a biometria em municípios do Rio

Para eleitores da cidade do Rio ainda não é obrigatório.

Rio de Janeiro / 13:58 - 28 de nov de 2019

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor

Foi prorrogado o prazo final de encerramento da biometria obrigatória que está sendo feita para revisão eleitoral em mais 16 municípios do Estado do Rio. O prazo passou para o dia 6 de dezembro nos municípios de Arraial do Cabo, Bom Jesus do Itabapoana, Carapebus, Comendador Levy Gasparian, Iguaba Grande, Mendes, Porto Real, Quatis, Quissamã, Santa Maria Madalena, São José do Vale do Rio Preto. Já em Porciúncula, Miracema, Laje do Muriaé, Rio Claro, Silva Jardim, o eleitor terá até 19 de dezembro para fazer a biometria. O anúncio foi feito pelo Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro (TRE-RJ). “A prorrogação oferece mais uma oportunidade aos eleitores de realizarem a biometria, evitando o cancelamento do título”, informou o Tribunal em nota.

Segundo o TRE-RJ, nas últimas semanas, houve grande procura dos eleitores pela biometria, provocando problemas de acesso ao site e à central de atendimento telefônico (CAT).

Não haverá alteração no prazo limite do cadastramento obrigatório nos municípios de Cardoso Moreira, Cordeiro, Italva, Itaocara, Macuco, Natividade, São Fidélis, Varre-Sai e Vassouras. Nesses locais o eleitor tem que registrar a biometria até 1º de dezembro.

Como já anunciado, em Magé, o prazo passou para 10 de janeiro. Em São João de Meriti, a nova data final é 31 de janeiro, e, em Duque de Caxias, 14 de fevereiro.

Todas as zonas eleitorais do estado terão plantão de atendimento neste sábado (30), das 9h às 15h. Apenas aquelas situadas nos municípios que já concluíram a revisão biométrica do eleitorado não funcionarão (Armação dos Búzios, Niterói, São João da Barra, Queimados, Rio das Ostras, São Sebastião do Alto e Trajano de Moraes).

Para saber se é necessário o registro da biometria, o eleitor pode acessar o site do TRE-RJ ou ligar para a Central de Atendimento Telefônico (21) 3436-9000.

O TRE-RJ informou ainda que todos os eleitores devem fazer o agendamento para serem atendidos no plantão. Somente a Central de Atendimento ao Eleitor (CAE), localizada na Avenida Presidente Wilson, 198, no Centro do Rio, não é necessário agendamento. O posto atende eleitores de qualquer domicílio eleitoral do Estado do Rio de Janeiro por meio de distribuição de 250 senhas. A distribuição de senhas é feita por ordem de chegada na abertura dos trabalhos.

* Da Redação com Agência Brasil

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor