Petrobras mostrará resultados de Libra no pré-sal na OTC Brasil.

Passados 10 anos, empresa alcançou a média de 2,02 milhões de boeds.

Mercado Financeiro / 22:09 - 22 de out de 2019

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor

A Petrobras alcançou este ano a média de 2,02 milhões de barris de óleo equivalente por dia (boed) no pré-sal, passados dez anos desde o primeiro óleo. O universo de exploração e produção marítima serão apresentados pela companhia na edição deste ano da Offshore Technology Conference (OTC), principal congresso de petróleo e gás do ano no Brasil. O evento será entre os próximos dias 29 a 31 no Centro de Convenções SulAmérica, no Rio de Janeiro (RJ).

Na conferência, a companhia receberá, no dia 30 o prêmio Distinguished Achievement Award, da OTC, em reconhecimento ao conjunto de soluções inéditas desenvolvidas para tornar viável a produção de petróleo e gás em Libra, no pré-sal da Bacia de Santos, cruciais para termos alcançado 58 mil boed em um único poço no ano passado.

Em razão do prêmio, apresentaremos, no dia 29 de outubro , uma sessão especial inteiramente dedicada a esse tema, que destacará não só os marcos e resultados do Teste de Longa Duração (TLD) implementado nessa área, como também as soluções que concebemos para lidar com alta presença de gás carbônico e contaminantes ali existentes, entre outros desafios”, destacou a empresa em nota.

A Petrobras acredita que com a ampliação dos investimentos em exploração e produção e os próximos leilões de blocos exploratórios, as oportunidades se multiplicarão para a indústria brasileira. “A OTC é o principal fórum técnico offshore no país, com o papel de fomentar o setor e promover a troca de experiências entre operadores, fornecedores e academia”, afirmou o gerente geral de Implantação de Projetos, Renato Pinheiro, representante técnico da companhia no comitê organizador da conferência.

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor