Passividade da CVM transforma mercado brasileiro

Autarquia deveria cobrar esclarecimentos do grupo francês Casino sobre estratégias para o GPA.

Acredite se Puder / 18:07 - 9 de mai de 2019

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor

No pregão da quarta-feira, as ações do Pão de Açúcar registraram desvalorização de 7,4%, e as da Via Varejo tiveram perdas de 4,03% na B3, após a divulgação de fracos resultados da varejista e deo colunista Lauro Jardim, de O Globo, noticiar que a empresa quer combinar seus negócios na América do Sul, e o Grupo Pão de Açúcar seria o carro-chefe deste novo grupo, que migraria para o Novo Mercado. Na quinta-feira, o Casino Guichard-Perrachon, controlador do grupo GPA, confirmou que estuda várias opções estratégicas para uma combinação de seus ativos latino-americanos, mas que isso até agora não justifica uma comunicação ao mercado. Ora, como os franceses explicam essa grande oscilação com as ações da subsidiária? Fariam isso na França? Evidentemente que não, pois a Commission des Opérations de Bourse não é um regulador inerte como a Comissão de Valores Mobiliários.

 

Trump admite conversar com Xi

Donald Trump, afirmou que recebeu uma “linda carta” do presidente chinês, Xi Jinping, e que eles, em breve, vão conversar provavelmente por telefone, buscando uma alternativa “excelente” ao acordo comercial que está em negociação entre delegações dos dois países em Washington. Ao ser perguntado se um entendimento será alcançado, o presidente dos Estados Unidos respondeu “veremos” e acrescentou: “Mas nossa alternativa é excelente”, embora não tenha deixado claro se já existe uma contraproposta norte-americana nas tratativas ou à imposição de tarifas maiores a bens chineses a partir de amanhã. Mas Trump garantiu que é possível chegar a um acordo nesta semana, e as conversas bilaterais serão retomadas às 18h desta quinta-feira. A delegação chinesa em Washington é liderada pelo vice-premiê Liu He.

 

Lucro trimestral do BB surpreende analistas

O resultado do Banco do Brasil ficou acima da maior projeção dos analistas consultados pela Bloomberg, que era de lucro de R$ 3,88 bilhões. O banco fechou o trimestre com lucro líquido ajustado de R$ 4,25 bilhões, uma alta de 40,3% sobre o mesmo período do ano passado. Esse foi o maior resultado nominal em um trimestre na história do BB, devido ao aumento da margem financeira; da redução das despesas de provisão de crédito; e aumento das rendas de tarifas e pelo controle de custos.

 

MP e Defensoria de Alagoas deliram?

O Ministério Público Estadual e a Defensoria Pública de Alagoas pediram o bloqueio de R$ 6,7 bilhões da Braskem que, por causa das operações de exploração de sal gema, está sendo acusada de provocar as rachaduras e crateras que estão surgindo em Maceió. Evidentemente, existe um delírio bairrista, supervalorizando as residências na capital alagoana. A Braskem informou que já tomou conhecimento do relatório apresentado pelo Serviço Geológico do Brasil (CPRM) sobre o fenômeno geológico ocorrido em Maceió. O Ministério Público Estadual e a Defensoria Pública de Alagoas querem que a Justiça reconheça que as operações da empresa são os potenciais motivos para causar danos nas residências. A Braskem registrou lucro líquido trimestral de R$ 1,03 bilhão, que foi 2% menor que o de mesmo período do exercício anterior. A receita líquida ficou estável no comparativo anual, para R$ 12,978 bilhões.

 

Oito portugueses devem mais de € 4 bi

Nuno Vasconcellos, da Ongoing (do extinto Diário Económico), depois de dever mais de € 1,2 bi em impostos, a bancos, fornecedores e trabalhadores, se mandou de Portugal para SP. Pesquisa descobriu que seu nome é ligado a 13 empresas brasileiras, de tecnologia a comunicações.

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor