Países exportadores de petróleo da AL querem congelar produção

Internacional / 23:16 - 8 de abr de 2016

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor

Reunidos em Quito, capital equatoriana, representantes dos países exportadores de petróleo da América Latina – Colômbia, Equador, Venezuela e México – discutiram, nesta sexta-feira, uma pro-posta de congelamento da produção para forçar a elevação dos preços internacionais da commodity. A ideia, segundo o ministro de Petróleo e Energia do Equador, Carlos Pareja, era definir um posicionamento comum a ser defendido na reunião dos países membros e não membros da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep), que será realizado em Doha, no Qatar, no próximo dia 17. De acordo com informações veiculadas no site da agência Reuters, a reunião do Equador é o primeiro sinal significativo de que Colômbia e México, países produtores de fora da Opep, podem estar envolvidos em um esforço para impulsionar os preços em meio ao excesso de oferta global. Contudo, o representante do governo mexicano ressaltou que só está participando como um observador para compartilhar informações.

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor