Advertisement

Investigado na Máfia da Merenda comandará Procon

Processo contra deputado Capez foi trancado no Supremo

São Paulo / 04 Dezembro 2018

O deputado estadual tucano Fernando Capez, ex-presidente da Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp), vai comandar a Fundação Procon no governo paulista. A nomeação foi anunciada pelo governador eleito João Doria Jr.
Capez foi um dos investigados na chamada Máfia da Merenda e denunciado pelo Ministério Público estadual por corrupção passiva e lavagem de dinheiro. Em junho de 2018, a Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) votou por trancar definitivamente a ação e rejeitar a denúncia do Ministério Público paulista por falta de provas. O relator do habeas corpus no STF foi o ministro Gilmar Mendes.
“[Capez] Vai comandar o Procon no nosso governo. Resposta clara e objetiva. Já foi convidado, já aceitou, e será o presidente do Procon”, disse Doria Jr.
O governador eleito anunciou também que o presidente do Sindicato da Habitação (Secovi-SP), Flavio Amary, ocupará a Secretaria da Habitação. “Aceitei com muito entusiasmo a missão que me foi conferida pelo governador João Doria”, afirmou Amary.
Por responder diretamente pela geração de inúmeros postos formais de trabalho, a área da habitação é estratégica para a retomada econômica do Estado, acrescentou o futuro secretário. Para assumir a Secretaria, Amary pedirá licencia da presidência do Secovi-SP a partir de 31 de dezembro. Basilio Jafet, atual vice-presidente de Relações Institucionais, irá subsituí-lo.