Advertisement

Inadimplência no comércio do Rio cresceu 0,9% em junho

A inadimplência no comércio carioca cresceu 0,9% em junho em relação ao mesmo mês do ano passado, de acordo com o...

Rio de Janeiro / 05 Julho 2018

A inadimplência no comércio carioca cresceu 0,9% em junho em relação ao mesmo mês do ano passado, de acordo com o Serviço Central de Proteção ao Crédito do Clube de Diretores Lojistas do Rio de Janeiro (CDL-Rio). As consultas (item que indica o movimento do comércio) diminuíram 6,3% e as dívidas quitadas aumentaram 1%.

No acumulado dos seis meses do ano (janeiro/junho) de 2018 em comparação com o mesmo período de 2017 as consultas recuaram 5,9% e a inadimplência e as dívidas quitadas cresceram, respectivamente, 0,9% e 0,7%.

Ao comparar junho com o mês anterior (maio), os registros do CDL-Rio mostram que as consultas diminuíram 0,8% e a inadimplência e as dívidas quitadas cresceram, respectivamente, 1,8% e 5,7%.

De acordo com Aldo Gonçalves, presidente do CDL-Rio, estes números mostram o quadro atual da economia no Estado do Rio de Janeiro, com o desemprego e a violência influenciando o comportamento do consumidor, afetando a sua disposição de compra. “Aliado a tudo isso, o comércio continua sendo bastante prejudicado pela informalidade, que tomou conta da cidade e cresceu ainda mais quando ocorrem eventos de grande porte como é o caso da Copa do Mundo”, conclui.

Segundo o registro de cadastro do LIG Cheque da entidade, em junho em relação ao mesmo mês do ano passado as consultas e as dívidas quitadas diminuíram, respectivamente, 9,1% e 2% e a inadimplência cresceu 1,2%.

No acumulado dos primeiros seis meses de 2018 (janeiro/junho) em relação ao mesmo período de 2017, as consultas e as dívidas quitadas recuaram 7,6% e 3%, respectivamente, e a inadimplência aumentou 1,1%.

Comparando-se junho com o mês anterior, as consultas caíram 4,5% e a inadimplência e as dívidas quitadas aumentaram, respectivamente, 0,4% e 3,3%.