Advertisement

Impulsionada por avanço do mercado Blackstone lucra mais no 3º trimestre

Alta dos mercados de ações levou a multinacional norte-americana Blackstone, maior gestora mundial de ativos alternativos, a registrar...

Mercado Financeiro / 19 Outubro 2018

Alta dos mercados de ações levou a multinacional norte-americana Blackstone, maior gestora mundial de ativos alternativos, a registrar lucro acima de expectativas de analistas, com um crescimento de 11% no terceiro trimestre, informou a empresa nesta quinta-feira.

“Os ativos sob gestão aumentaram 18% em relação ao ano anterior, elevando o total para um novo recorde de US$ 457 bilhões”, disse em comunicado o presidente-executivo da Blackstone, Steve Schwarzman.

O lucro distribuível - o dinheiro real disponível para o pagamento de dividendos - foi de US$ 769 milhões, acima dos US$ 626 milhões do ano anterior. O lucro líquido “econômico” da empresa (ENI, na sigla em inglês) para os três meses até setembro foi de 0,76 dólar por unit, em comparação com a previsão média de 0,74 dólar, de acordo com a I/B/E/S. Um ano antes, a Blackstone reportou ENI por unit de 68 centavos.

O ENI reflete o lucro ou prejuízo gerados por ativos no portfólio da Blackstone de acordo com um critério de marcação a mercado e é uma métrica atentamente observada em empresas de investimento de risco dos Estados Unidos.

 

Mercado de ações

 

As oscilações do mercado de ações geralmente afetam o valor de participações em empresas detidas por grupos de private equity por causa da marcação a mercado. O índice de referência S&P 500 subiu 7,2% no terceiro trimestre.

Segundo analistas , a Blackstone também se beneficiou de uma valorização de 19,9% da Gates Industrial Corporation, na qual detém uma participação majoritária.

Com sede em Nova York, atualmente a Blackstone pode ser considerada uma das maiores companhias de investimentos do mundo, principalmente em relação a fundos de private equity, crédito e hedge funds.

Fundada em 1985 por Stephen A. Schwarzman, atual diretor presidente da companhia, a companhia tem 2300 funcionários espalhados em 25 escritórios por todo o mundo. Em 2007, a companhia realizou sua oferta pública inicial em bolsa (IPO) do qual arrecadou um total de US$ 4 bilhões, fato que a tornou uma das primeiras empresas de private equity a abrir capital em bolsa de valores. Até o dia 31 de dezembro de 2017, a Blackstone tinha um total de US$ 434 bilhões sob sua gestão, segundo a Suno Research.

No mercado financeiro, a empresa atende clientes institucionais e individuais Um dos principais serviços ofertados pela companhia é a promoção de um sistema de aposentadoria do qual hoje abrange mais de 30 milhões de aposentados nos EUA e outros milhões no exterior.