Advertisement

Ibovespa acelera queda após inflação nos EUA ficar acima do esperado

Mercado Financeiro / 13 Junho 2018

Os contratos futuros do Ibovespa com vencimento em agosto aceleraram a queda e recuavam 0,91%, aos 73.230 pontos, às 9h36 (horário de Brasília) desta quarta-feira (13), em vista do resultado acima do esperado da inflação ao produtor norte-americano. Além disso, o mercado está na expectativa pela reunião do Fed, como teremos também o vencimento de opções sobre índice na B3, que promete trazer grande volatilidade.

A inflação ao produtor norte-americano subiu de 0,50% na passagem de abril para maio, enquanto o mercado projetava alta de 0,3%. Na comparação anual, o PPI (Producer Price Index) acelerou de 2,8% para 3,1%. O número pressionou o mercado já que o resultado acima do esperado dos preços elevar a probabilidade do Fed subir os juros neste tarde.

Às 15h00 será revelada a decisão de política monetária do Fed e a expectativa é de que a taxa de juro seja elevada em 0,25 ponto percentual, indo para o intervalo entre 1,75% e 2,0% ao ano. Apesar da queda do desemprego, da retomada da atividade e da alta do petróleo, o cenário mais provável ainda é o cenário com três subidas da taxa de juros no ano, mas este será o principal ponto a ser analisado nesta reunião, que contará ainda com uma coletiva do presidente Jerome Powell às 15h30 e relatório de revisão de projeções, o que irá atrair as atenções do mercado.

Pelo quadro atual, bastará um único membro mudar de ideia (de 3 para 4 altas) que a mediana do Fed irá mudar, levando a uma reprecificação de todo o mercado, que hoje vê apenas 3 altas para este ano. Caso essa mudança ocorra, o câmbio deverá sofrer uma forte pressão, tendendo a subir forte já nesta quarta. Enquanto aguarda pela decisão, o dólar comercial recua 0,27%, aos R$ 3,703 na venda, com o Banco Central iniciando o dia com uma oferta de swap cambial de 40.000 contratos.