Ferida

Fatos e Comentários / 18:00 - 2 de ago de 1999

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor

A velha piada de que "FH faz mal à saúde" parece se aplicar no caso de uma funcionária federal afastada ontem do posto de saúde do Município de Porto Alegre, aonde estava cedida, por ter apresentado abaixo-assinado a favor do impeachment do presidente Fernando Henrique a pacientes. A servidora alegou que ninguém era obrigado a assinar o documento. A Prefeitura de Porto Alegre é governada pelo PT. A Secretaria Municipal de Saúde disse, em nota, que não havia "orientação ou liberação" para funcionários se envolveram com atividades alheias às suas tarefas. Conforme a nota, as chefias desconheciam o fato. O abaixo-assinado foi organizado por partidos políticos e entidades, que querem a instauração de um processo por crime de responsabilidade contra FH em razão do seu envolvimento na privatização da Telebrás. Linha dura A Prefeitura de Caxias contabiliza perdas de R$ 100 milhões com a inadimplência no pagamento de IPTU nos últimos cinco anos. A cobrança desses atrasados começa agora a ser feita pelo Banco do Brasil, que também vai tentar receber o ISS atrasado. Quem não pagar vai parar no Serasa e no SPC. Arrependimento tardio De poste a filho enjeitado, o prefeito de São Paulo, Celso Pitta, continua sendo apontado pelo ex-governador Paulo Maluf como principal fonte de seus problemas. Segundo o ex-ministro Adib Jatene, em recente encontro social, Maluf, depois de relembrar o convite que lhe fizera para ser candidato nas últimas eleições para prefeito, acrescentou: "Está vendo? Se você tivesse aceitado, não teria lançado o Pitta e nada do que aconteceu, teria acontecido." A revelação foi feita por Jatene em entrevista ao programa do jornalista Giba Um, que irá ao ar nos próximos dias. Companheirro Nem só de Nélio Botelho, vive o sindicalismo brasileiro. O presidente da Câmara de Comércio Brasil-Alemanha, Ingo Plöger, encerra o editorial do último número da publicação da entidade, no qual faz um balanço da Cimeira, com um "Mãos à obra, companheiros!" Ilha da fantasia A cruzada do secretário da Receita Federal, Everardo Maciel, pelo aumento da arrecadação poderia ganhar substancial reforço se fiscais da elite da Receita fossem mandados para passar alguns fins de semana em Angra dos Reis. A exibição dos acintosos sinais exteriores de riqueza de figurões com salários oficialmente incompatíveis com os gastos que costumam fazer certamente faria o Leão lamber os beiços. Um dos mais conhecidos do grupo de esbanjadores usa óculos, é careca e dificilmente passa um dia sem defender na imprensa austeridade fiscal ...para os outros. Locaute A tentativa de uma parte da imprensa de qualificar, com desdém, a greve dos caminhoneiros como locaute - paralisação comandada pelas empresas e não pelos empregados - em nada reduz a importância do movimento que quase parou o país na semana passada. Se liderada pelos próprios motoristas de caminhão a paralisação já seria um importante contraponto à política econômica que está sufocando o País, caso a participação dos empresários tenha sido preponderante o caso assume dimensões ainda maiores. As empresas, até pouco tempo, por opção ou por total falta de opção, embarcavam na canoa neoliberal sem maiores contestações. O barco faz cada vez mais água e uma parte mais lúcida do empresariado começa a defender seus interesses e tenta evitar afundar junto com os comandantes. São nesse sentido alguns atos da Fiesp e do Iedi. Também foi nessa direção que o presidente da Fiemge (Federação das Indústrias de Minas Gerais), Stefan Salej, criticou a privatização de Furnas e chamou os industriais mineiros a se unir à Cemig e adquirir a geradora que garante energia para o desenvolvimento do estado. O vento mudou de direção. Viagem virtual Após o fim da ilusão do real mais forte que o dólar, a Comissão Canadense de Turismo não quer ver minguar o número de turistas brasileiros que visitam aquele país. Além de contar com um escritório de representação no Brasil, a Comissão de Turismo criou um site especificamente em português para responder a todas as perguntas relacionadas ao turismo no Canadá. Através do endereço www.canada.tur.br, passageiros virtuais e profissionais do turismo podem visitar todas as províncias e territórios e receber informações, tais como documentação, clima e temperaturas de cada região durante o ano e até itinerários detalhados dos pacotes oferecidos pelas principais operadoras brasileiras. A comissão ainda mantém escritório em São Paulo. Desmonte Ao mesmo tempo que a Diretoria da Telemar assegurava que no máximo em 15 dias os telefones dos 19 mil assinantes domiciliados ou estabelecidos na Barra da Tijuca e adjacências - e prejudicados por um incêndio em uma estação - estariam em funcionamento pleno, o Sindicato dos Telefônicos do Rio de Janeiro recebia ontem denúncia de que na Ilha do Governador 10 mil telefones apresentavam falhas totais ou parciais em virtude de problemas em baterias elétricas. Sindicalistas garantem que, enquanto era estatal, a Telemar (naquela época Telerj) nunca sofreu um sinistro de tamanha proporção e atribuem o fato às demissões de técnicos especializados e à queda na qualidade da manutenção.

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor