Exportações de carne bovina atingem o melhor resultado de 2013

Conjuntura / 11 Setembro 2017

 

As exportações de carne bovina tiveram crescimento superior a 31% em julho, as negociações geraram um faturamento de US$ 540 milhões, segundo dados divulgados hoje (11) pela Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carne (ABIEC). No mês passado, foram embarcadas aproximadamente  129 mil toneladas, o que representa um incremento de 22,9% se comparado com os resultados obtidos em julho do ano passado. Além disso, as exportações de carne bovina in natura tiveram aumento de 38,5% na comparação com julho de 2016, alcançando US$ 451 milhões em faturamento.

Em volume foram mais de 106 mil toneladas, o que representa uma alta de 29,5% sobre o total dos embarques realizados no mesmo mês do ano passado. Os resultados comparativos com junho desse ano também foram positivos para essa categoria, crescimento acima de 7% em faturamento e 6,8% em volume. Nos sete primeiros meses deste ano, nas exportações de carne bovina in natura, o Brasil obteve um faturamento que ultrapassa US$ 2,6 bilhões, o que indica acréscimo de 3,1% sobre o faturado no mesmo período de 2016.

Os principais destinos foram Hong Kong e China, maiores importadores de carne bovina brasileira no período, ambos com resultados positivos no comparativo contra junho, 5% e 6,5% respectivamente em valores exportados (US$). O mercado proeminente do mês foi o Egito, que registrou aumento de 38% em volume (18 mil toneladas) e de 36% em faturamento (US$ 64 milhões)