EUA confirmam morte de filho de Osama bin Laden

Hamza bin Laden nasceu na Arábia Saudita em 1989; seu pai Seu foi morto em 2 de maio de 2011 no Paquistão.

Internacional / 14:32 - 16 de set de 2019

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor

O presidente dos EUA, Donald Trump, confirmou na manhã deste sábado a morte do filho de Osama bin Laden em uma operação anti-terrorista dos EUA.

Hamza bin Laden, membro de alto escalão da al-Qaeda, "foi morto em uma operação anti-terrorista dos EUA na região do Afeganistão/Paquistão", disse a Casa Branca em um comunicado.

Trump destacou no texto que a morte de Hamza bin Laden, a quem Washington acusava de ser "responsável por planejar e tratar com diversos grupos terroristas", prejudicará a liderança da al-Qaeda e as atividades operacionais do grupo.

O anúncio veio dias depois do 18º aniversário dos atentados terroristas de 11 de setembro.

Hamza bin Laden foi oficialmente anunciado como membro da al-Qaeda em agosto de 2015. Ele foi identificado por Washington como terrorista no início de 2017.

Hamza bin Laden nasceu na Arábia Saudita em 1989. Seu pai, Osama bin Laden, fundador e ex-líder da al-Qaeda, foi morto em 2 de maio de 2011 no Paquistão durante uma operação secreta dos EUA.

 

Agência Xinhua

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor