Erradicar a pobreza custa US$ 10 trilhões

Internacional / 23:24 - 19 de mai de 2016

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor

O mundo precisa investir cerca de US$ 600 bilhões por ano, ou US$ 10 trilhões no total em mais de 15 anos, para erradicar a pobreza extrema e moderada globalmente até 2030. A estimativa está no novo relatório da Organização Internacional do Trabalho (OIT) Perspectivas sociais e de emprego no mundo 2016 - Transformando empregos para acabar com a pobreza. Acabar com a pobreza até 2030 é um dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) assinados na Cúpula das Nações Unidas para o Desenvolvimento Sustentável em 2015. Na avaliação da OIT, o objetivo está em risco. De acordo com o documento, 36% do mundo emergente e em desenvolvimento vive na pobreza – com uma renda diária de menos de US$ 3,10 de paridade de poder aquisitivo. O relatório aponta que seria necessário o investimento adicional de 1% do Produto Interno Bruto (PIB) para eliminar tanto a extrema pobreza quanto a pobreza moderada nos países em desenvolvi-mento. No Brasil, os dados avaliados mostram que a extrema pobreza caiu de 3,9% entre 2004 e 2005 para 1,8% em 2013, enquanto a pobreza moderada caiu de 12,1% para 6,1% no mesmo período, du-rante os governos Lula e Dilma. O relatório cita o Bolsa Família, que chega a aproximadamente um quarto da população brasileira. O programa foi responsável, de acordo com a OIT por 10% da redução da pobreza desde 1990.

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor