Eletrobras recomeça processo de privatização

Até o fim do ano companhia definirá novo plano de demissões voluntárias.

Mercado Financeiro / 21:57 - 13 de ago de 2019

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor

“O processo de capitalização da Eletrobras está sendo reiniciado”. A declaração é do presidente da companhia, Wilson Ferreira Junior, que participou nesta terça-feira da conferência com analistas para apresentação dos resultados do segundo semestre do ano. No segundo trimestre do ano, a empresa registrou lucro líquido de R$ 5,5 bilhões, resultado 305% superior a igual período do ano passado quando somou R$ 1,3 bilhão.

Segundo Ferreira Junior, a retomada do processo de privatização foi acertada recentemente com o presidente Jair Bolsonaro. Ele disse aos analistas que até o fim do ano deverá definir o modelo e implementação de novo plano de demissões voluntárias para o grupo Eletrobras que será implementado no período 2020-2024.

No dia 8 de agosto, o presidente Jair Bolsonaro afirmou que o governo quer deixar de ter a participação majoritária nas ações da Eletrobras. Aliás, ele já autorizou o aprofundamento de estudos para a processo. Questionado por jornalistas sobre o encaminhamento de uma proposta ao Congresso para autorizar a privatização, Bolsonaro respondeu que não há prazo. “Tenho que estudar muito. Tem que mandar para lá o mais próximo que poderia ser aprovado para evitar emendas”, declarou.

 

Resultados do trimestre

 

No segundo trimestre deste ano, o resultado de Participações Societárias impactou de forma positiva o resultado da companhia em R$ 1,766 milhões, decorrente principalmente do resultado de Equivalência Patrimonial dos investimentos em controladas. O valor apurado de R$ 5,5 bilhões se refere à soma do lucro líquido das operações continuadas, de R$ 301 milhões, e do lucro líquido de R$ 5,2 bilhões decorrente da privatização da Amazonas Energia.

O crescimento da receita operacional líquida foi 12% na comparação anual entre o segundo trimestre de 2018 e o deste ano, passando de R$ 5,9 bilhões para R$ 6,6 bilhões. O lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) recorrente cresceu 8%, passando de R$ 2,8 bilhões para R$ 3,1 bilhões.

 

Números do semestre

 

No semestre, a Eletrobras teve lucro líquido de R$ 6,9 bilhões, um aumento de 272% em relação ao R$ 1,8 bilhão do primeiro semestre de 2018. A receita operacional líquida cresceu 9,2%, passando de R$ 11,9 bilhões no primeiro semestre de 2018 para R$ 13,09 bilhões. Com isso, o Ebitda recorrente passou de R$ 6,1 bilhões para R$ 6,03 bilhões.

Segundo a empresa, o indicador dívida líquida/Ebitda recorrente LTM, dos últimos 12 meses, ficou em duas vezes, melhor do que a meta estabelecida de ficar abaixo de três vezes. As provisões para contingências somaram o montante de R$ 329 milhões e a reversão de Contratos Onerosos foi R$ 248 milhões.

Em termos de evolução do mercado de energia, as Empresas Eletrobras, no 1S19, venderam 66,5 TWh de energia, contra 67,3 TWh negociados no mesmo período do ano anterior, o que representa uma redução de 1,2%.

 

Saída

 

Em maio, o presidente da Eletrobras disse que pretendia realizar novas vendas de ativos de geração e transmissão no segundo semestre, mas adotando modelo semelhante ao da Petrobras em seus desinvestimentos. Os ativos envolvidos no plano são participações da estatal em 45 Sociedades de Propósito Específico (SPEs), a maior parte delas em negócios de geração eólica.

O decreto, aplicável a estatais de economia mista, como Eletrobras e Petrobras, permite um regime especial de desinvestimento para as empresas, desde que os processos sigam uma determinada sistemática, com fases de consulta aos potenciais investidores e apresentação de propostas preliminares e firmes pelos interessados, entre outros passos.

Os ativos que a Eletrobras pretende ofertar nesse modelo são aqueles que não encontraram compradores em um leilão realizado em setembro do ano passado, no qual a estatal vendeu 11 lotes de ativos por R$ 1,29 bilhão. A intenção na ocasião era levantar até R$ 3,1 bilhões com 18 lotes de projetos.

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor