Eduardo Bolsonaro posta foto armado ao lado do presidente

Deputado pode ter infringido decreto assinado este ano pelo próprio pai.

Política / 23:12 - 9 de set de 2019

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor

O deputado federal Eduardo Bolsonaro postou foto ao lado de seu pai, o presidente Jair Bolsonaro, portando uma arma de fogo na cintura. A fotografia foi feita em um quarto de hospital em São Paulo no qual Bolsonaro foi operado para corrigir uma hérnia. Embora, como parlamentar e policial federal, tenha permissão para portar arma de fogo, Eduardo – cotado para assumir a embaixada brasileira nos EUA – pode ter infringido o Art. 20 do Decreto nº 9.847, de 25 de junho de 2019, assinada por seu pai, que estabelece que “o titular de porte de arma de fogo para defesa pessoal concedido nos termos do disposto no art. 10 da Lei nº 10.826, de 2003, não poderá conduzi-la ostensivamente ou com ela adentrar ou permanecer em locais públicos (...)”. O presidente se licenciou do cargo por cinco dias, mas deverá reassumir suas funções ainda no hospital, após um período inicial de recuperação. Segundo a equipe médica, o presidente deve permanecer internado por até 10 dias.

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor