Consumidores preferem as lojas físicas na Black Friday

Levar mercadoria na hora e negociar mais descontos atraem o consumidor.

Conjuntura / 23:55 - 28 de nov de 2019

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor

Pesquisa do Centro de Estudos do Clube de Diretores Lojistas do Rio de Janeiro – CDLRio – mostra que 41% dos consumidores pretendem comprar nas lojas físicas durante a Black Friday. A principal justificativa é levar a mercadoria na hora, além da possibilidade de negociar mais desconto. Este ano 88% dos 500 lojistas entrevistados participarão da promoção e acreditam que as vendas possam crescer em até 10%.
Os números mostram que a Black Friday deixou de ser restrita ao e-commerce (vendas pela internet) e também foi adotada pelas lojas físicas tanto as de rua como as de shopping.
Os lojistas acreditam que eletrodomésticos, eletrônicos/informática, smartphones, moda, calçados (especialmente tênis) e artigos para casa e decoração serão os produtos mais procurados.
De acordo com Aldo Gonçalves, presidente do Clube de Diretores Lojistas do Rio de Janeiro – CDLRio, o resultado das vendas de alguns produtos da promoção no ano passado igualou-se em vários casos às vendas natalinas e a antecipação da data também é uma forma de atrair clientes.

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor