Advertisement

Cinco milhões trocaram de operadora no Rio em 2017

Informática / 12 Janeiro 2018

Usuários de telefones fixos e móveis, no Brasil, realizaram 40,83 milhões de trocas de operadoras. A informação consta do balanço anual da Associação Brasileira de Recursos em Telecomunicações (ABR Telecom), entidade administradora da portabilidade numérica, e refere-se ao período de início do serviço até o dia 31 de dezembro de 2017.

A contar de setembro de 2008 - quando a portabilidade numérica começou a ser possível no País -, até o dia 31 de dezembro de 2017, foram realizadas 14,15 milhões (35%) de transferências entre operadoras de telefonia fixa, com manutenção do número do telefone por seus usuários. Os portadores de telefones móveis fizeram 26,67 milhões (65%) de transferências no mesmo período.

No estado do Rio de Janeiro, desde que a portabilidade numérica foi implementada, a partir de fevereiro de 2009, até o dia 31 de dezembro de 2017, foram realizadas 5,18 milhões de transferências entre operadoras. Dessas, 1,84 milhão (36%) para usuários de telefones fixos e 3,33 milhões (64%) de telefones móveis.

Entre os meses de janeiro e dezembro do ano passado, foram efetivadas, no Brasil, um total de 5,82 milhões de migrações entre operadoras fixas e entre operadoras móveis, de acordo com a Entidade Administradora da Portabilidade Numérica. A ABR Telecom registra que daquelas, 1,42 milhão (25%) de trocas foram solicitadas por usuários de telefones fixos e 4,39 milhões (75%) de telefones móveis.

No período de 1º de janeiro a 31 de dezembro de 2017, no Rio de Janeiro, foram registradas 895,60 mil migrações, sendo 220,14 mil (25%) na telefonia fixa e 675,45 mil (75%) na móvel.

Durante o quarto trimestre do último ano - entre os meses de outubro e dezembro de 2017 -, em todo o território nacional, 1,63 milhão de portabilidades numéricas foram concluídas. As solicitações para transferências de operadoras de telefones fixos respondem por 396 mil (24%) e as trocas no serviço móvel por 1, 24 milhão (76%).

No Rio de Janeiro, entre outubro e dezembro de 2017, foram realizadas 270,98 mil migrações entre operadoras de serviços telefônicos. As solicitações de usuários de telefones fixos, nessas transferências, respondem por 92,91 mil (34%) migrações e as demandas realizadas no serviço móvel por 178,06 mil (66%).

O tempo de transferência para efetivação da portabilidade numérica é de três dias úteis ou após esta data, se o usuário desejar agendar. Para desistir da portabilidade numérica, o usuário tem dois dias úteis, após sua solicitação de transferência, para suspender o processo de migração.