China elabora medidas para regular agências imobiliárias

Internacional / 07:44 - 9 de mai de 2016

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor

As autoridades chinesas estão elaborando medidas para fortalecer os regulamentos sobre agências imobiliárias, que se tornaram uma das principais fontes de reclamações de clientes devido a informações enganosas. O Ministério da Habitação e do Desenvolvimento Urbano e Rural está trabalhando com departamentos relevantes em políticas para regular anúncios de imóveis das agências e reforçar a gestão dos corretores, informou na sexta-feira Lu Kehua, vice-ministro, em uma coletiva de imprensa. O ministério também prometeu melhorar os sistemas de informação de crédito no setor e intensificar a supervisão sobre as práticas das agências imobiliárias. A falsificação de anúncios de imóveis e a cobrança de taxas irregulares estão entre as queixas mais comuns feitas pelos clientes. De acordo com uma pesquisa de 2014, 43,8% dos 30 mil entrevistados em Pequim informaram que haviam lidado com "comportamento impróprio" por parte de agentes imobiliários ao alugar apartamentos. Em uma inspeção no mês passado, os reguladores de Xangai decidiram multar seis agências no valor entre 130 mil iuanes (US$ 20 mil) e 200 mil iuanes, incluindo os líderes do setor Lianjia e 5i5j por publicidade falsa Agência Xinhua

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor