Caminho para transformação digital nas seguradoras 

Outsourcing da Delphos é fruto de 50 anos de especialização no mercado de seguros.

Seguros / 23:22 - 10 de jul de 2019

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor

De acordo com estudo do IDC Brasil, 42% das empresas pretendem iniciar o processo de transformação digital entre 2019 e 2021, e os investimentos em Tecnologia da Informação e Comunicações (TIC) devem crescer 4,9% já neste ano. 

Ao mesmo tempo, o movimento de terceirização como forma de otimizar gastos é, cada vez mais, um aliado do segmento de prestação de serviços, principalmente com a reforma trabalhista de julho de 2017, que flexibilizou esta prática, de maneira que tanto a atividade-meio quanto a atividade-fim podem ser terceirizadas - desde que para pessoa jurídica especializada e com capacidade econômica para a execução dos serviços contratados, “que é o caso da Delphos”, explica Elisabete Prado, da diretoria da Delphos.  

“Projetos de outsourcing com uso de alta tecnologia influenciam de forma crescente os negócios das empresas, mas não é de uma hora para outra que se adquire expertise nessa área. Por isso, contar com um prestador de serviço com larga experiência e tempo de atuação é a opção mais vantajosa”, completa a executiva. 

A Delphos, que tem mais de 50 anos de especialização no mercado de seguros, aposta no seu BPO (Business Process Outsourcing) de Seguros para ajudar as companhias do setor na gestão completa de suas carteiras, administrando apólices, processando prêmios, resseguros, co-seguros, regulando sinistros e dando suporte a todas as outras etapas da operação. “A produção da seguradora pode ser apoiada somente com a utilização dos sistemas ou com os recursos de nossa equipe, infraestrutura e soluções, o que a desonera de consideráveis despesas administrativas com a manutenção de estrutura própria”, defende Elisabete. 

Outro destaque da prestação de serviços da empresa é que, em função de sua experiência em processos de regulação de sinistros do ramo de Bens e Pessoas, em especial nos segmentos Habitacional e Vida, que possuem coberturas de DFI, Morte e Invalidez Permanente, a Delphos oferece a realização de Perícias de Engenharia e Perícias Médicas por meio de sua rede credenciada, por exemplo. 

“Investir em outsourcing é delegar tudo o que é secundário para focar na atividade principal da empresa”, afirma. Ela revela ainda que o serviço de BPO de Seguros da Delphos conta com a avaliação constante das metodologias, garantindo qualidade e redução dos prazos das entregas. “A equipe é composta por analistas sêniores de seguros, experientes e especializados no tratamento de carteiras de qualquer porte”, finaliza.

Com 52 anos de atuação, a Delphos foi a primeira empresa de serviços criada para atender especificamente ao mercado segurador brasileiro. A companhia está capacitada para prestar serviços em qualquer atividade relacionada aos diversos ramos de seguros, desde a análise preliminar dos riscos até a regulação do sinistro, com destaque para a tecnologia da informação.

 

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor