análise semanal

Opinião do Analista / 16:10 - 15 de jul de 2005

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor

As ações preferenciais da Petrobras terminaram cotadas a R$ 105,00, com perdas de 3,60% durante a semana. Os estudos mostram que a tendência ainda é de alta, podendo a ação ainda alcançar no curto prazo os R$ 116. Boas compras ainda a R$ 102. VALE DO RIO DOCE A Vale terminou a semana cotada a R$ 62,65, com perda de 1,80% durante a semana. Os estudos mostram ainda alta, o que pode significar que os preços podem ainda chegar a faixa dos R$ 67/69. CEMIG As ações preferenciais da Cemig registraram ganhos de 3,97% na semana terminaram cotadas a R$ 73,30. Os estudos semanais mostram ainda alta, com a cotações rumando ainda para a faixa dos R$ 77/78 de novo. ELETROBRAS As ações preferenciais da Eletrobrás registraram ganhos de 9,63% e terminaram cotadas a R$ 29,60. Os estudos semanais mostram agora de novo a tendência de indefinição com os preços podendo alcançar ainda os R$ 31. Os preços no suporte a R$ 27 evidenciam barganhas de curtíssimo prazo. BANCO DO BRASIL As ações ordinárias do Banco do Brasil registraram valorização de 6,53% ao terminaram cotadas a R$ 31. Os estudos ainda evidenciam postura de indefinição, com boas compras a R$ 28 e vendas a R$ 35,5. BRADESCO As ações preferenciais do Bradesco terminaram cotadas a R$ 82,80 e tiveram valorização de 5,29%. Os estudos semanais apontam ainda indefinição, com a possibilidade de alcance dos R$ 84/85 de novo. Boas compras a R$ 78. BANCO ITAÚ As ações preferencias do Banco Itaú tiveram valorização de 0,81% e terminaram cotadas a R$ 442,55. Os estudos semanais apontam agora alta, com a possibilidade de alcance dos R$ 470. Boas compras a R$ 420 ainda. UNITS UNIBANCO As ações preferenciais do Unibanco registraram perda de 1,16% e terminaram cotadas a R$ 7,99. Os estudos semanais apontam ainda a tendência de indefinição, com os preços tendo meta ainda para os R$ 7,6. Boas compras a 7,15. EMBRAER As ações preferenciais da Embraer terminaram cotadas a R$ 19,45, com valorização de 3,46%. Os estudos semanais apontam ainda a tendência de indefinição, com objetivo ainda a R$ 22,5. Boas compras a R$ 18. SIDERÚRGICA NACIONAL As ações ordinárias da Siderúrgica Nacional terminaram cotadas a R$ 40,01 e registraram ganhos de 12,36%. Os estudos apontam agora alta de novo, com os preços podendo ainda rumar para os R$ 43. TELEMAR As ações preferenciais da Telemar terminaram em R$ 37,55 e tiveram perda de 0,27%. Os estudos semanais apontam ainda indefinição, com a possibilidade do alcance dos R$ 42; boas compras a R$ 35,5. ACESITA As ações ordinárias da Acesita terminaram cotadas a R$ 29,01, com perdas de 4,54%. Os estudos semanais apontam agora indefinição de novo, com o objetivo final ainda na faixa dos R$ 26.

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor